Outubro, 2022

Dom16Out18:0019:30DestaqueConsumo (in)sustentávelConversa Umundu Lx18:00 - 19:30 Auditório BM Orlando RibeiroTemas:ConsumoTipo:Debate / ConversaInscreve-te80 Lugares livres

Descrição

Neste debate vamos abordar e refletir várias questões de como a nossa sociedade se organiza baseada no consumo, gerando um desenvolvimento cada vez mais insustentável.
Meios e recursos limitados, exigem novas abordagens e comportamentos, mas também hábitos/práticas individuais e coletivas que urge modificar antes que seja demasiado tarde.
Há muito a fazer, pois “a roda da história” não para, independentemente daquilo que fizermos.
Neste debate temos um painel de convidados que vão apresentar diferentes perspetivas e alternativas acreditando que um futuro diferente é possível.

Público Alvo: >16 anos

Inscrição

Make sure to RSVP to this amazing event!

Inscreve-te para poderes participar neste evento

Participar

80 Lugares livres

Não consegues participar?Cancela a tua inscrição

Intervenientes

  • António Veloso

    António Veloso

    Nasceu em 1961 em Lisboa. Desde a juventude se interessou pelas questões ambientais acompanhando a campanha nos anos 70 da defesa do lince da serra da Malcata e o movimento “Energia Nuclear Não Obrigado”. Desde 1978 esteve envolvido no movimento Associativo de jovens, foi fundador da primeira Associação de Estudantes na Damaia, membro da Direção da Associação de Trabalhadores- Estudantes da Escola Secundária da Amadora ( e representante na Federação Nacional), membro da Direção da Associação de Pais na Damaia e Odivelas (e representante na Federação Concelhia e Nacional). Participa na equipa de organização do Festival Umundu Lx desde a 1ª edição. Em 2020 tornou-se sócio da Sociedade Portuguesa de Estudo das Aves que já acompanhava há alguns anos.

  • Diogo Campos

    Diogo Campos

    Sou o Diogo amante da natureza e tento ser fiel aos meus sonhos. Viajante, agricultor regenerativo, criador de hortas em mandala, técnico de biofeedback/terapia quântica. Estudei e formei-me como Engenheiro do Ambiente pela Universidade Nova de Lisboa com mestrado em Gestão de Sistema Ambientais. Fui co-fundador da marca Sumo Pontífice, dedicada aos sumos detox/verdes. Fui consultor ambiental. Viajei durante mais de um ano pela América do Sul, praticamente sem dinheiro, sem dúvida uma incrível experiência que mudou a minha vida.

  • Eliana Madeira

    Eliana Madeira

    Eliana Madeira integra a equipa de projetos de intervenção social do Graal, um movimento internacional de mulheres que trouxe o Banco de Tempo para Portugal. Tem-se dedicado a projetos nas áreas de Igualdade de Género, Migrações, Direitos Humanos, Educação para a Cidadania Global e intervenção comunitária. É co-coordenadora da rede nacional do Banco de Tempo, integra a equipa promotora da Associação Ibero-Americana do Banco de Tempo e é membro do Banco de Tempo do Lumiar.”

    URL www.bancodetempo.net

  • Guilherme Serôdio

    Guilherme Serôdio

    Guilherme Serodio voltou de Bruxelas há cerca de um ano para refocar a sua luta na construção de comunidades de resistência, transição e decrescentistas. Na Bélgica foi co-fundador do ExtinctionRebellion, de uma fundação de financiamento descentralizado, de um partido político centrado na tiragem à sorte como complemento á democracia representativa, entre outras coisas que permitissem experimentar com novas maneiras de agir coletivamente, construir comunidades fortes e trazer para primeiro plano abordagens feministas e regenerativas capazes de nutrir os novos mundos por que procura. É crítico e teórico amador do decrescimento, plantador de árvores, água e comunidades. Hoje em dia dedica-se à transição em Montemor-o-Novo, e á luta onde esta lhe for possível, eficaz e desejável.

  • Iva Pires

    Iva Pires

    Prof. Associada da Faculdade Ciências Sociais e Humanas-Nova de Lisboa. É docente do Departamento de Sociologia e coordena o Doutoramento em Ecologia Humana. É investigadora integrada do Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais (CICS.NOVA). Faz investigação sobre o tema do desperdício alimentar, co-coordenou o projeto PERDA (2012), é autora de um Ensaio sobre Desperdício Alimentar. É membro do Painel Consultivo da Comissão Nacional de Combate ao Desperdício Alimentar e integra o grupo de peritos do European Consumer Food Waste Forum. É presidente da Society for Human Ecology (SHE).

Organizações participantes

Umundu LxA palavra Umundu contém múltiplos sentidos. Foi construída a partir da tradução para o português da expressão “one world” (ou “Eine Welt” em alemão), muito utilizada no espaço anglo-saxónico, e que transporta a ideia de a humanidade ser uma única grande comunidade global. Esta expressão também inclui em muitos contextos o pensamento de sustentabilidade, ecologia e justiça social (especialmente no contexto da disparidade existente entre as nações desenvolvidas do norte e as nações em desenvolvimento do sul).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

X
X
X