Outubro, 2022

Qui20Out20:3023:00Sessão de Biodanza20:30 - 23:00 Escola de Medicina Tradicional ChinesaTemas:EducaçãoTipo:Movimento e Expressão corporal9 participantes11 Lugares livres

Descrição

A Biodanza é um sistema de integração através do movimento e da música especificamente concebido para nos ajudar a restaurar a nossa natural alegria, vitalidade e motivação para viver. É um sistema que estimula o desenvolvimento humano através de vivências integradoras induzidas pela dança, pela música e pelo encontro humano. Compõe-se de um conjunto de exercícios e músicas organizado, com o objetivo de elevar os nossos níveis de saúde e bem estar, desenvolver a comunicação e estimular a criatividade. É um convite à alegria de viver, ao prazer de dançar e aprender a conviver, promovendo o desenvolvimento dos nossos potenciais.
O objetivo é a integração e expressão da identidade em três níveis:
Nível fisiológico: integração motora, dissolver tensões, regular ritmos, integrar emoções.
Nível afetivo: integração entre o indivíduo e o grupo, resgatar a possibilidade de vinculação; dissolver padrões competitivos e defensivos de comunicação.
Nível existencial: integração entre o sentir, o pensar e o agir, encontrar coerência e espontaneidade nas ações quotidianas.

Público Alvo: >18 anos

Inscrição

Make sure to RSVP to this amazing event!

Inscreve-te para poderes participar neste evento

Participar (9)

11 Lugares livres

Não consegues participar?Cancela a tua inscrição

Intervenientes

  • Fernanda Pinto

    Fernanda Pinto

    Facilitadora Didata Biodanza SRT formada pela Escola de Biodanza de Portugal (2011, Lisboa) Colaboradora como Didata na EBP, Revisora de Monografias e supervisora (estágio e monografias) Formada nas especializações nomeadamente Educação Biocêntrica,Biodanza para crianças e Jovens, Biodanza, Identidade e Auto-Estima, Biodanza Clínica, Biodanza Aquática, Identidade e 4 Elementos, Minotauro, Árvore dos Desejos. Experiência como facilitadora didata com grupos regulares de Biodanza adultos, jovens e crianças (desde 2011) e intervenção no âmbito da Biodanza Clínica, nomeadamente intervenção na área da saúde mental e das dependências (drogas, álcool, etc). Educadora, Socióloga e Counsellor (Abordagem centrada na Pessoa, Carl Rogers) Professora Especialista e Investigadora no Ensino Superior durante cerca de 30 anos, em várias universidades portuguesas, com uma longa experiência na formação de educadores e professores, gestão de grupos e dinâmicas sociais. Orientadora de dissertações de mestrado. Desenvolvi vários projetos de investigação no âmbito da saúde e da educação desde o final dos anos 80'. Vários artigos publicados em revistas cientificas e apresentações de comunicações e painéis em Congressos e encontros. Desde 2008 que a estudo/investigo a Educação Biocêntrica e a Biodanza nas escolas. O livro “Dançar a Vida na Escola”, é um dos resultados desse estudo. Uma investigação no âmbito da introdução da Biodanza e Educação Biocêntrica em escolas portuguesas. Este projeto que foi desenvolvido em duas escolas de Lisboa, com os resultados analisados a partir dos discursos das crianças sobre Biodanza. O convite do livro é conduzir os participantes a mergulharem nos discursos produzidos pelas crianças em torno das suas vivências nas sessões de Biodanza, resultados de um projeto que foi desenvolvido durante dois anos e meio em contexto escolar. Os discursos são aqui entendidos como todas as formas de expressão que as crianças produziram ao longo de dois anos e meio em que decorreram as sessões. Atualmente didata formadora no curso de Educação Biocêntrica (modalidade OnLine) da Universidade Biocêntrica, de Ruth Cavalcante e César Wagner, dando os módulos: Áreas de atuação e suas práticas em Educação Biocêntrica na Escola e na Família e Áreas de Atuação e suas práticas em Educação Biocêntrica nos Movimentos Sociais. Participei no Encontro de VIII Biodanza e Ação Social e V Educação Biocêntrica Sul (On Line), como oradora, organizado pela ONG Moradia e Cidadania , no eixo 1 Propostas Pedagógicas Evolucionárias, onde apresentei a comunicação “Aprender a Dançar”. Estarei no 3º Congresso Latino Americano de Educação Biocêntrica 22 e 23 de abril, na mesa de diálogo A comunicação e a inserção em Educação Biocêntrica, com o tema “Acordo de convivência existencial” em parceria com Zeza Weyne.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

X
X
X